Acervo - O Candeeiro
Família agricultora com água transforma a vida do semiárido
PB - PATAC - Acesso à Água -

Na comunidade São Felix, município de Santo André, na Paraíba, a família de Lucia e Seu Chico desenvolvem um trabalho importante para segurança alimentar da comunidade utilizando diversas formas de aproveitamento da água.

Ler mais


Dona da primeira cisterna construída em Sergipe é exemplo de luta pela igualdade de gênero
SE - CDJBC - Mulheres -

Dona Gizélia da a volta por cima,através de movimentos sociais com a ASA ela se liberta da opressão vivida pelo machismo do marido e torna uma grande liderança na luta contra as desigualdades de gênero

Ler mais


Viver melhor não tem idade, enquanto há sonho há perspectiva de vida
CE - OBAS - Acesso à Água -

Antônio Paulino, 66 anos e Francisca Correia Lima, 60 anos são casados, tiveram 17 filhos e residem na comunidade Arisco, distante oito quilômetros da cidade de Barreira, Ceará. Dona Francisquinha, como é conhecida, desde menina trabalha na agricultura. Aos 15 anos casou-se com seu Antônio e juntos continuaram trabalhando na plantação de feijão, milho, mandioca, caju, entre outros. No ano de 2010 foram beneficiados com a barragem subterrânea, do P1+2, da ASA. A partir de então desenvolveram práticas agroecológicas no cultivo de hortaliças e frutas. Com essa nova alternativa sua família se alimenta melhor e contribuem com o meio ambiente

Ler mais


Superação e conquista de família camponesa
CE - OBAS - Acesso à Água -

Dona Chaguinha, 60 anos e seu Ramiro Patrício, 73 anos residem na comunidade Caatinga Grande, no município de Potiretama, no Jaguaribe cearense. Desde pequenos trabalham na agricultura. Casaram-se, tiveram três filhos e continuaram na labuta. O início da vida do casal foi marcado por grandes dificuldades, a primeira foi a falta de terra. Ficaram trabalhando em terras arrendadas, somente depois, conseguiram adquirir doze hectares de terra. No entanto, a batalha não se resumia apenas à falta de terra, a falta de água era um problema para todas as famílias da comunidade. Com a participação, organização comunitária e os programas da Articulação no Semi-Árido - (ASA) passaram a viver melhor. Atualmente cultivam hortas para o consumo familiar e comercialização e fornecem tapiocas para a Conab. Um casal resistente que busca a cada dia, novas alternativas de vida.

Ler mais


Feira da Agricultura Familiar fortalece a Economia Popular Solidária
CE - OBAS - Economia Solidária -

Agricultores e agricultoras das comunidades Barracha, Barro Vermelho, Bom Futuro, Baixinha, Caatingueirinha, Caatinga Grande, Mão Direita e Sítio Três Irmãos, no município de Potiretama, no Ceará diagnosticaram que sua produção estava sendo desvalorizada por ser comercializada por meio de atravessadores. Diante disso e a partir de várias experiências agroecológicas já existentes no município, se organizaram numa rede constituída por famílias das áreas citadas para realizarem a venda coletiva e direta ao consumidor de seus produtos agrícolas. Diagnosticaram os produtos que seriam comercializados, constataram que o potencial era a produção agrícola e passaram a vender na Feira da Agricultura Familiar, que acontece no último sábado de cada mês em Potiretama.

Ler mais


Filtre as publicações

Isso facilitará a sua busca